Retweet

Posts Recentes

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

696



Meu anjo dorme cedo
eu nem tanto
nem o diabo sussurrando no meu ouvido
ele fala coisas que não quero ouvir
tira meu sono
consome minhas forças;
faz - me tirar conclusões
baseadas em meras suposições
que nunca vão a lugar algum,
queria meu anjo aqui, mas
meu anjo dorme cedo
pobre anjo, cansado de tentar proteger
esse estúpido pia de merda;
as vezes ele chora, pergunta-me
“Você só ouve a voz do diabo, por quê?”
Pobrezinho, não queria machucá-lo
sinto-me mal, pois não importa quantas
vezes eu aja feito um estúpido, guiado pela
voz do diabrete em meu ombro, ele sempre
salva meu rabo do fim iminente, mas sou ingrato
e todas as noites de insônia volto a dar ouvidos
a voz sombria que sussurra
“Você não é capaz”
Não me culpe pobre anjo
você dorme muito cedo
e as noites são eternas aqui,
no meu inferno pessoal.

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Frágil.


Você.
Não é o suficiente.
Para preencher.
O vazio em mim.
E meus olhos queimam.
Esse não é o teu lugar.
Tente lutar.
Com o pescoço ao cadafalso é difícil pensar.
Só saia daqui.
Deixe-me dormir.
Pois minha vida é sustentada por uma pequena linha.
Que pode se partir.
Com o peso extra de carregar em minhas mãos.
O seu coração.
Eu sou frágil.
E posso me quebrar.
Apenas com o impacto de meras palavras.
Frágil.