Retweet

Posts Recentes

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Futebol

Ah, o doce circo do futebol
fazia frio mas meu sangue fervia
não sentia o sofrido joelho esquerdo,
estava desajeitado
no ataque
bastante deslocado no setor
defensivo.
O meio de campo era meu
era soberano na
transição de defesa e ataque
fazia bem o meio
esquerda,
direita
corria e tentava recompor.
A bola flutuava rente ao chão
eu procurava pés mais habilidosos
os rapazes mais fortes
para fazer o pivô.
Fiz uma inversão perfeita de uma
ponta para a outra
“eita porra” foi o que disseram,
mas o atacante finalizou mal.
Por 4 vezes eu balancei as
redes,
deus quão boa é a sensação.
Dois tentos de direita
dois de canhota
tenho uma boa canhota
pego firme e bato colocado
pedalo e corto naturalmente
para o pé esquerdo
isso confunde o marcador,
não espera-se isso dos
destros.
Era o fim da brincadeira
os refletores iluminavam o show
e os adversários eram implacáveis,
quebravam-me,
eu levantava, isso não me importa
quanto mais bate
mais eu
gosto.
Do outro lado da marginal o
navio negreiro passava sobre os
trilhos,
lotado,
mas por uma hora eu não queria pensar
na vida dura do proletariado,
durante essa hora
eu só queria o circo.

Gol.

0 comentários:

Postar um comentário