Retweet

Posts Recentes

domingo, 17 de novembro de 2013

Amanha já é hoje e parece o mesmo dia.

Tantas linhas nada dizem deitado horas e horas
tentando imaginar a cor do céu do outro lado do teto
não gosto de café nem de leite
nem de ódio nem de amor.

Sabe quantas vezes pensei em você hoje?

Ocupo minha mente com pensamentos
sem valor
as prioridades desse homem estão todas
erradas. 

Sempre odiei Holden Caulfield!

Sempre invejei Holden Caulfield
pois ele some quando atravessa a estrada
e eu nada
não sou Gregor Samsa, nem homem, nem barata. 

Eu sou William Foster no ponto de não retorno. 

O sangue enegrecido desce pelo ralo
amanha já é o hoje e parece o mesmo dia
lampejos de genialidade
disforia.

E você sabe quantas vezes pensei em você hoje?

0 comentários:

Postar um comentário